Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2020 Junho Com a opção de enviar e receber pagamentos, Procon alerta consumidores para que não caiam em golpes
25/06/2020 - 12h55m

Com a opção de enviar e receber pagamentos, Procon alerta consumidores para que não caiam em golpes

Aplicativo liberou gradualmente, na segunda-feira (15), opção para realizar e receber pagamentos

Com a opção de enviar e receber pagamentos, Procon alerta consumidores para que não caiam em golpes

Instituto alerta consumidores sobre periculosidade de nova função do Whatsapp (Ascom Procon)

Texto de Ruan Teixeira

O Brasil foi o país escolhido para estrear o serviço de pagamentos pelo WhatsApp, com isso, o Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon/AL) alerta aos consumidores alagoanos sobre possíveis fraudes que podem ser realizados por golpistas, principalmente em tempos de pandemia, no qual o uso da internet aumentou muito.


O App garante que a nova ferramenta terá toda segurança possível por meio do PIN de 6 dígitos ou usando a biometria do celular para autorizar cada transação. Porém, se prevenir é sempre uma boa ação. Aos poucos, a funcionalidade será liberada para todos os brasileiros.


O Instituto orienta que os consumidores não repassem suas senhas para ninguém. Como também remete a importância de manter o sistema operacional do aparelho, seja Android ou iOS, atualizado, colocando senhas em todos os aplicativos possíveis. Exclusivamente sobre o WhatsApp Pay, é necessário se manter atento aos bancos válidos, não usar wi-fi público para fazer transações financeiras e acionar o informe de transações do banco via SMS. Não esquecendo de ativar o dublo fator de autenticação medida eficaz e essencial.

Perante qualquer pedido de transação monetária, por mais que seja de alguém conhecido/próximo, não efetivar a transferência sem confirmar com a pessoa em questão por voz ou presencialmente. Algumas quadrilhas trabalham em coletivo e, estão muito bem preparadas para elaborar os melhores pactos, fazendo com que a pessoa não pense muito, se tornando vulnerável e caindo logo no golpe. 

É relevante também que a pessoa contate o próprio App e a instituição bancária envolvida, para mais orientações específicas.

“A tecnologia tem que ser utilizada a favor de todos os consumidores, entretanto as cautelas devem sempre ser tomadas para que os mesmos não sejam vítimas de golpes, logo agora, que estamos em quarentena e que o uso da internet se tornou ainda maior”, destaca Daniel Sampaio, diretor-presidente do Procon Alagoas.

Não haverá cobrança de taxas para consumidores que enviarem dinheiro ou fizerem compras. Já as pessoas jurídicas desembolsarão uma taxa de processamento para receber pagamentos de clientes. Quanto aos meios de pagamento, será realizado pelo Facebook Pay. Tendo no futuro o intuito de que todos os aplicativos da família do Facebook estejam liberados para enviar pagamentos.

Ainda sobre os pagamentos, os usuários, inicialmente, poderão utilizar os cartões de crédito e débito do Banco do Brasil, Mastercard, Visa, Nubank e Sicredi, que serão processados pela Cielo.

Daniel ressaltou mais uma vez, a importância de acionar o Procon em casos de dúvidas, denúncias, reclamações e sugestões. “Não medimos esforços para tornar o órgão cada vez mais acessível ao consumidor. Estamos recebendo diariamente muitas denúncias em nossos canais de atendimento, a demanda só aumenta, mesmo assim, peço que não hesitem em nos acionar, seja por meio do 151 ou por mensagens em nosso WhatsApp: (82) 9 8876-8297.”

Ações do documento